Esculturas de casacos – registro de uma frustração

Esculturas de casaco é o registro de uma frustração.  Em 2010 viajei a Paris e como a maioria dos turistas que vão pela primeira vez a cidade, fui visitar o Castelo de Versailles. Fui avisado, por vários amigos e amigas que lá haviam inúmeras esculturas lindas e maravilhosas que eu precisava fotografar. Diziam que elas estavam espalhadas pelos jardins do castelo. Enfim, fui visitar Versailles, cheio de esperança e com muita expectativa de apreciar as tão faladas esculturas de seus jardins. Era inverno. Muito frio. Chegando lá, logo percebi que as esculturas estavam cobertas por uma lona verde. Estavam protegidas do frio por uma espécie de casaco. Não tinha nenhuma descoberta. Nenhuma. Frustração. Mas com o passar do tempo no castelo, fui percebendo que cada “casaco” das esculturas formavam uma figura curiosa e singular. Minha vontade de conhecer as obras era tanta que começei a fotografá-las mesmo cobertas. E percebi que de acordo com a forma, eu imaginava uma escultura, uma história. Não sei se as verei novamente descobertas, só sei que imaginei coisas bem bonitas. Não sei se melhores ou piores que as originas, mas tão lindas quanto.

Estátuas-com-casacos---09

Estátuas-com-casacos---02

Estátuas-com-casacos---01

Estátuas-com-casacos---04

Estátuas-com-casacos---07

Estátuas-com-casacos---05

Estátuas-com-casacos---08

Estátuas-com-casacos---10

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>